caso

Caso alguém queira saber,
O caos predominante em meus dias
Que quase sempre chovia
Melhor não ver nem sentir
A cor que grita no silêncio que vivencio
Que exprime o visível e invisivel do fictício
Caso alguém queira entender,
O pensamento incorreto
Veja as cicatrizes em meus pulsos
Causadas por impulsos
Note a tristeza no olhar
Ou a corda na qual possa me jogar
E caso alguem queira ajudar,
Pinte seu coraçao no pôr do sol
Faz plástica de aquarela
Faz tua dança mais singela
Abrace o que é belo
E se vista de amarelo..

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Medo

Mais um ano

Notas